Em resposta à crescente procura de estudantes fora de Portugal Continental, a UMC criou em 2011 a sua vertente de Ensino à Distância e, todos os anos, a UMC ONLINE tem sido a resposta certa para dezenas de estudantes lusófonos espalhados pelo Mundo.

Infografico Alunos online 270319

Desde 2011, o CURSO B-LEARNING DE MEDICINA CHINESA tem tido estudantes de língua portuguesa residentes em:

  • Angola
  • Brasil
  • Dinamarca
  • Espanha
  • EUA
  • França
  • Holanda
  • Islândia
  • Israel
  • Luxemburgo
  • Macau
  • Moçambique
  • Reino Unido
  • Singapura
  • Suíça

 


Veja abaixo alguns testemunhos de estudantes internacionais que se formaram através do ENSINO À DISTÂNCIA.


 

Avatar G3 Liliana Martins
Diplomada do Curso de Medicina Tradicional Chinesa B-Learning

Ingressei no CURSO DE MEDICINA CHINESA, Acupunctura e Fitoterapia no formato B-Learning, em 2013.

Vivo na Islândia e claro, procurei por alternativas B-Learning nos EUA e no Reino Unido pelo facto deste curso não existir na Islândia.
Tive a sorte deste formato aparecer nesse mesmo ano na UMC. O curso revelou-se bastante gratificante, mas exigente.

Foi necessário bastante estudo e claro, a comunicação e esclarecimento de dúvidas é um pouco mais demorada do que no ensino presencial.
No entanto, os docentes para além de terem um conhecimento invejável, sempre mostraram disponibilidade em ajudar.

Estou muito grata à UMC por ter este formato do curso, se não fosse assim, não teria iniciado este caminho fascinante onde aprendi esta nova forma de curar, de ver o mundo e a saúde.

Continuo a viver na Islândia onde para além de massoterapia, pratico agora também acupunctura e fitoterapia.

 


 

Avatar G2 Marta Ribeiro
Diplomada do Curso de Medicina Tradicional Chinesa B-Learning

Chamo-me Marta Ribeiro e sou ex-aluna do Curso de Medicina Tradicional Chinesa B-Learning da UMC. Quando fiquei interessada em matricular-me num Curso de MTC optei pela UMC por já ter boas referências da Instituição mas não conhecia a opção b-learning, apenas tinha conhecimento do curso full-time e do pós-laboral. Sendo eu já trabalhadora e morando longe de Lisboa nunca coloquei a hipótese de fazer o curso full-time mas a minha ideia inicial era inscrever-me no pós-laboral. No entanto, devido a algumas alterações no meu serviço, era praticamente impossível ter fins-de-semana livres e por isso resolvi optar pelo curso b-learning.

Admito que inicialmente foi difícil para mim autodisciplinar-me a estudar quando não havia uma "obrigação" mas a verdade é que com o tempo percebi que tinha feito a melhor opção: o curso b-learning está super bem estruturado, os professores estão sempre disponíveis para responder a dúvidas (chegavam a responder de noite, poucos minutos após a pergunta ter sido feita!), tínhamos acesso a estágios opcionais todos os anos na Clínica-Escola (para além dos obrigatórios) e, tal como os colegas do pós-laboral, após obtermos o diploma podíamo-nos candidatar ao estágio hospitalar na China.

O Curso b-learning é uma excelente opção para quem se quer formar em MTC e tem poucas hipóteses de se deslocar. Exige muito estudo, trabalho e dedicação e, por isso, nem todos terminam o curso mas aqueles que persistem obtêm todo o conhecimento essencial para poder evoluir.

Hoje em dia trabalho numa Clínica e continuo a estudar. Já fiz várias formações após terminar o curso e tive contacto com colegas tanto do pós-laboral como do full-time e também com colegas de outras escolas, e em momento algum me senti inferiorizada ou com menos conhecimento que eles, muito pelo contrário! Somos muito bem orientados e acompanhados ao longo de todo o curso, os nossos alicerces após o curso são fortes e saímos tão preparados para o mundo do trabalho como os restantes colegas.

 


 

Avatar B1

Celso Silva
Diplomado do Curso de Medicina Tradicional Chinesa B-Learning

Começo por tentar responder a uma pergunta bastante frequente: É possível frequentar com sucesso o curso de Medicina Tradicional Chinesa da UMC na modalidade de b-learning? Sim. É.

Em Dezembro de 2016, após 4 anos de formação, terminei o curso de Medicina Tradicional Chinesa na UMC, na modalidade de b-learning.
O b-learning (blended learning, ou b-learning), é uma derivação do e-learning, e refere-se a um sistema de formação onde parte dos conteúdos da formação é transmitida à distância, normalmente pela internet, e inclui necessária e obrigatoriamente aulas presenciais, daí a origem da designação blended, algo misto, combinado.

No mundo global em que vivemos, os moldes em que as pessoas fazem a sua formação está a evoluir, veja-se o caso da Universidade Aberta em Lisboa, com muitos anos de experiência no ensino à distância. O futuro passa pelo ensino à distância de cursos profissionais, licenciaturas, entre outras formações.

A componente online tem a enorme vantagem de ser o aluno a marcar o seu ritmo de estudo conforme a sua disponibilidade. As dúvidas são colocadas online e são respondidas até 24h depois, o que permite um acompanhamento adequado por parte dos professores da UMC.
Os conteúdos programáticos das Unidades Curriculares disponibilizados são os mesmos do curso presencial, a diferença é que são disponibilizados online.
Com bastante frequência, é dada a possibilidade de discussão on-line, em tempo real - vulgo "chat", dos mais variados temas das diferentes Unidades Curriculares do curso.

Portanto, quase que nem se nota que não é um curso presencial "tradicional". O curso de Medicina Tradicional Chinesa da UMC além da componente puramente on-line, disponibiliza aulas presenciais, aulas práticas em sala de aula e aulas práticas/estágios na Clínica-Escola. Nestes contextos é dada a componente prática do curso, naturalmente essencial para a nossa futura prática clínica. Estas aulas presenciais e práticas são fundamentais para alicerçar os conhecimentos adquiridos na modalidade on-line.

Fundamental é ainda a possibilidade que a UMC dá para realizarmos estágios na Clínica-Escola, onde nos é possível transformar a teoria em prática através do contacto directo com os pacientes, naturalmente com a devida orientação dos professores.

Passados 7 meses, após a conclusão do curso, sinto segurança na prática clínica, e claro, os pacientes agradecem.

 


 

Avatar G1

Cláudia Albuquerque
Diplomada do Curso de Medicina Tradicional Chinesa B-Learning

A minha paixão pela medicina tradicional chinesa nasceu, sensivelmente, há duas décadas. Na altura, dirigi-me a uma Clínica Pedro Choy com o intuito de tratar uma enxaqueca crónica. Durante a consulta fiquei fascinada com a forma como a anamnese foi conduzida. Nos finais do ano de 2013, tomei conhecimento da modalidade b-learning lecionada na UMC. Era a oportunidade para, finalmente, concretizar o sonho que havia sido despoletado no passado.

O facto da aprendizagem ser, na sua maioria online, representa para mim uma vantagem, pois o tempo dedicado à família (fim de semana) não é tão sacrificado.
Tendo em consideração que não dispomos de horários fixos requer um nível de exigência pessoal elevado no que concerne a autodisciplina, empenho e gestão de tempo.

As dúvidas e dificuldades sobre as matérias lecionadas foram muitas, porém o acompanhamento prestado, online, pelos professores colmata o que seria uma das nossas desvantagens em relação ao curso presencial.

A competência dos professores, a exigência do ensino, os conteúdos programáticos do curso oferecem aos alunos que frequentam este curso as ferramentas necessárias para uma prática clínica autónoma e responsável.

 


botao

iconeA UMC ministra atualmente duas formações em regime diurno e pós-laboral.
Descubra o curso à sua medida.

botao EnsinoOnline v2

Aprenda Medicina Tradicional Chinesa através do ensino online.

iconeAceder à plataforma Online

iconeTestemunhos

botao FormacoesEventos ON

Invista na sua valorização pessoal.

iconeFormação contínua
iconeEstudantes externos


Últimas Notícias
 
botao agenda
Botao Candidatura 2019 2020
botao clinicaescola